NOTÍCIAS


Quem é o DJ Ramemes, que criou faixa de Pabllo e Anitta na cozinha de casa em Volta Redonda

[ad_1]

Ele começou fazendo funk para ‘os amigos rirem’, criou estilo frenético e caiu nas graças da equipe de Pabllo. Estilo ‘sem limite’ de produção ajudou a dar o tom ousado da parceria das cantoras. Conheça o DJ Ramemes Anitta e Pabllo Vittar costumam se encontrar em premiações, festas badaladas e grandes festivais do Brasil e do mundo. Longe desse glamour, “Calma amiga”, uma das novas faixas delas, foi preparada na cozinha de uma casa em Volta Redonda (RJ). Veja o vídeo acima. Ramon Henrique Fernandes, o DJ Ramemes, mistura graves profundos, batidas aceleradas e bases estouradas que harmonizam com os versos sujos. A receita caseira caiu no gosto da Brabo Music, equipe de produtores de “Noitada”, novo álbum da Pabllo. Ramemes não tem limite. Se o Rio acelera o funk a 150 batidas por minuto, ele vai a 200. Se a onda é ousadia, suas bases são repetições infinitas da palavra “sexo”. E se dizem que ele pega muito pesado e “destrói” o estilo, ele adota a crítica no nome: “DJ Ramemes, o destruidor do funk”. A faixa produzida por ele é uma vinheta de um minuto, com sua base frenética e áudios de WhatsApp de Pabllo e Anitta sobre sexo e festa. Apesar de curta, “Calma amiga” dá o tom ousado e fora do pop convencional que as duas seguem na outra parceria do álbum, “Balinha de coração”. O g1 Sul do Rio e Costa Verde visitou a casa de Ramemes e também falou com o DJ sobre suas criações. Veja o vídeo abaixo: DJ Ramemes fala sobre processo de criação de faixa de Pabllo Vittar e Anitta Quem é o DJ Ramemes? Ramon tem 23 anos, nasceu em Volta Redonda, mas tem sotaque mineiro de raiz. Seus pais são de Matipó, cidade de 18 mil habitantes na Zona da Mata de Minas Gerais. Ele mora com o pai, dono de um bar, e o ajuda a tocar o negócio. No tempo livre, em 2017, ele começou a produzir funks de brincadeira. Encarou programas de áudio sem conhecimento prévio e nem intenção de agradar “o profissional da música”. O objetivo era se divertir e “fazer os amigos rirem”. Ramon Henrique Fernandes, o DJ Ramemes Vinicius Lima/g1 “Aqui no Rio tem uma estética que é deixar tudo no alto. Tem que estar tudo distorcido, senão a música fica chata no baile funk, não tem graça. Os caras sabem disso. Tem que estar distorcido, senão ninguém escuta a música. Isso é uma das referências que eu tenho”, diz. O trabalho começou a crescer, mas seu quarto não tinha espaço nem para a mesa do computador. O jeito foi colocar na cozinha, onde ele aprimorava a receita frenética. O set a 200 batidas por minuto ajudou a espalhar a lenda do Ramemes. DJ Ramemes trabalha na cozinha de casa em Volta Redonda Vinicius Lima/g1 “Eu fico muito feliz, porque é só uma galera que consegue pegar um notebookzinho, o mais ruinzinho, abrir um programinha básico, e faz a melhor música do mundo, sem conhecimento nenhum.” “A galera fica revoltada, espantada: ‘Como o molequezinho de Volta Redonda fez uma música num computadorzinho bobo dele na cozinha’?”, ele imita. Entre os admiradores do DJ estavam Maffalda e Gorky, dois dos produtores de Pabllo Vittar. Eles escolheram uma das “300 bases” que Ramemes tinha guardadas para o projeto que virou “Calma amiga”, com Anitta e Pabllo. “Fico feliz que o pessoal da Pabllo e da Anitta, o Gorky e a Maffalda, deram esse espaço para tentar fazer algo que é a cara do Rio de Janeiro”, diz o DJ. Agora, ele prepara um EP com Maffalda e a MC carioca Myres. Da cozinha, segue trabalhando sem limite. DJ Ramemes Vinicius Lima/g1 DJ Ramemes trabalha na cozinha de casa em Volta Redonda Vinicius Lima/g1
[ad_2]
Fonte: G1


09/02/2023 – Web Rádio TOP

COMPARTILHE

@WEBRADIOTOPWM

(14) 98134-9663

[email protected]
Copyright © Web Rádio TOP – WMVOZ